Ciptran registra 1.157 infrações gravíssimas no segundo mês do ano

Categoria: DestaqueNotícias 24/03/2014 11:20:39 administrador
itemseguranca

O Mapa Geral de Infrações de Trânsito, da Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran), registrou 1.475 infrações em fevereiro. Destas, 1.157 se configuram como gravíssimas, 96 como grave, 37 como média e 185 leves. Em relação ao mês de janeiro, houve uma redução no número de infrações. No primeiro mês do ano foram registradas 1.895 infrações.

A infração mais cometida pelos motoristas na capital piauiense foi “Conduzir moto sem capacete e sem assessórios de segurança”, com 30,3% do total registrado. Em seguida aparece “Dirigir veículo sem possuir CNH” (27,6%) e “Conduzir veículo não registrado ou devidamente licenciado” (14,8%). Todas são consideradas infrações gravíssimas e o valor da multa é de R$ 191,52 para este tipo de ocorrência.

Das infrações graves contabilizadas no período a mais recorrente foi “Conduzir veículo sem equipamento obrigatório/ineficiente ou inoperante”, com 75 notificações de um total de 96. “Desobedecer ordens emanadas da autoridade de trânsito” foi a segunda infração grave mais cometida durante o mês passado, somando seis casos. O valor a ser pago pelo motorista notificado nessas ocasiões é de R$ 127,68.

Dentre os condutores teresinenses, as infrações médias de maior incidência foram “Dirigir veículo com calçado inadequado” com 28 ocorrências de um total de 37, e “Dirigir com fones de ouvido de aparelho de som ou celular” com cinco casos. Já nas infrações consideradas leves: “Conduzir veículo sem documentos obrigatórios” foi a que registrou um maior número de notificações, 181 do total de 185. A outra infração leve mais cometida em fevereiro foi “Dirigir sem atenção ou cuidados indispensáveis a segurança no trânsito” com quatro casos. Para os infratores flagrados a  multa é de R$ 85,12, para infrações médias e de R$53,20 para infrações consideradas leves.

Para reduzir estes números o Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran- PI) e os parceiros do Sistema Nacional de Trânsito estão intensificando as blitzen e ações educativas afim de conscientizar os condutores para um comportamento seguro e com respeito às leis de trânsito.

Por Izabelle Azevedo

Compartilhe essa notícia:
  • Facebook
  • TwitThis
  • Google
  • Print this article!