Conduzir motocicleta sem capacete é a infração mais cometida em Teresina

Categoria: DestaqueNotícias 11/12/2012 10:44:15 administrador
TRANSITO

A Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran) registrou 1.644 infrações de trânsito durante todo o mês de novembro. Destas, 1.281 foram gravíssimas, 90 graves, 66 médias e 207 infrações leves, segundo os dados do mapa geral de infrações de trânsito.

A infração mais cometida durante o mês foi conduzir motocicleta sem capacete e sem acessórios de seguranças, com 680 ocorrências, o que corresponde a mais de 40% do total. A infração é considerada gravíssima. Dentre as violações de trânsito gravíssimas estão ainda: dirigir veículo sem possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) com 311 notificações, seguida pela condução de veículo não registrado e não devidamente licenciado com 202 aparições. Já a infração grave com maior incidência, durante o período, foi conduzir veículo sem equipamento obrigatório ineficiente ou inoperante com 69 casos.

A notificação mais incidente dentre as infrações médias, em novembro, foi dirigir veículo com calçado inadequado com 34 ocorrências. Seguida por conduzir veículo com fones de ouvido de aparelho de som ou celular com 28 notificações. Conduzir veículo sem os documentos obrigatórios é a infração mais cometida, dentre as leves, com 195 ocorrências. Já dirigir sem atenção ou cuidados indispensáveis a segurança do trânsito foram 12.

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) vem intensificando as ações educativas e de fiscalização com seus parceiros a fim de incentivar o cumprimento das leis de trânsito e a redução de acidentes. Durante todo o mês de dezembro, o órgão realizará intervenções artístico-educativas nas imediações de bares da capital, aos fins de semana. Além de ações de conscientização nas BRs 343 e 316, bem como blitzen educativas no litoral do Estado.

Compartilhe essa notícia:
  • Facebook
  • TwitThis
  • Google
  • Print this article!